Loading...

OUROMINAS dá dicas de câmbio para quem viaja ao exterior

OUROMINAS dá dicas de câmbio para quem viaja ao exterior

JornalTurismo 11-02

 

Para aqueles que querem fugir dos altos preços dos destinos turísticos brasileiros durante o Carnaval, ainda dá tempo de adquirir pacotes e moedas para os principais destinos no exterior: as estações de esqui de Aspen e Vail, nos Estados Unidos, e as praias do Caribe. Orientações sobre a melhor moeda e a quantidade adequada de dinheiro para levar na viagem são dadas pelaOurominas – instituição financeira que atua na comercialização de moedas estrangeiras.

Segundo Mauriciano Cavalcante, embora os turistas tenham como hábito comprar a moeda do país de destino, nem sempre esta é a opção mais vantajosa. Dependendo da estabilidade econômica do país, a instituição recomenda que se leve a moeda local, dólar ou até mesmo euro ou libra. “No Caribe, para destinos como Punta Cana, República Dominicana, e Cuba, é mais vantajoso levar dólar e euro, respectivamente, e trocar por moeda local conforme a necessidade”, alerta Cavalcante.

Para não correr o risco de sofrer uma blitz policial no comércio de moedas na rua ou de comprar moedas falsificadas, a Ourominas. recomenda a troca da moeda em agências credenciadas pelo governo local.

De acordo com Cavalcante, os gastos diários de uma viagem de cindo dias para os países caribenhos, em geral, não ultrapassam US$ 2.000 por pessoa, excluindo passagem aérea e hotel. No caso das montanhas geladas do estado do Colorado, nos Estados Unidos, os gastos diários no Carnaval devem girar em torno de US$ 5.000.

No Brasil, tanto na ida quanto na volta, a Ourominas oferece algumas vantagens e facilidades para o cliente, como a cotação mais competitiva do mercado, a entrega de moedas em domicílio e a garantia da recompra da moeda estrangeira.

 

 

Publicação: Jornal de Turismo
Data:  11 de fevereiro de 2015
 Voltar